Histórias da Ditadura

Hoje na Imprensa

05
fev
2017

Em plena ditadura, falso coronel da FAB enganou militares por 3 anos.

Durante o regime militar no Brasil, a caça a possíveis comunistas era usada como motivo para inúmeras investigações, prisões e até mortes. Toda paranoia com a “invasão vermelha” parece ter ocupado tanto as Forças Armadas que um homem enganou a todos e se passou por coronel da Aeronáutica durante três anos.

A farsa começou em 1983, quando Edson Nogueira de Miranda teria encontrado a identidade do coronel Gilberto Surreaux Strunck em um ônibus no Rio de Janeiro. O caso está descrito em documentos do Ministério da Aeronáutica, divulgados na última semana pelo Arquivo Público do Distrito Federal.

Leia mais: Metropoles