Histórias da Ditadura

Hoje na Imprensa

23
mar
2017

Justiça condena 33 agentes por últimos desaparecidos da ditadura de Pinochet.

A Suprema Corte do Chile condenou 33 agentes nesta quarta-feira (22), incluindo altos funcionários da Inteligência da ditadura de Augusto Pinochet, pelo sequestro de cinco opositores em 1987, os últimos desaparecidos do cruel regime militar.

As vítimas – Julián Peña, Alejandro Pinochet, Manuel Sepúlveda, Gonzalo Fuenzalida e Julio Muñoz – integravam a opositora Frente Patriótica Manuel Rodríguez e “foram sequestradas por agentes do Estado em represália ao sequestro do coronel do Exército Carlos Carreño”, tendo seus corpos jogados no mar, disse a sentença judicial.

Leia mais: Portal G1