Histórias da Ditadura

Referências

Autor

Sérgio Rodrigues

Título

Entre a cruz e a espada: relações diplomáticas entre a ditadura militar brasileira e o Vaticano (1964-1977).

Formato

Dissertação

Palavras-chave

Igreja Católica, Relações Internacionais, Diplomacia, Vaticano, UFRJ, 2006

Sinopse

Esta dissertação trata das relações diplomáticas entre a Ditadura Militar brasileira e o Vaticano. Grande parte da igreja brasileira apoiou o golpe civil-militar de 1964. Apesar disso; a perseguição a padres e até mesmo bispos; acusados de comunistas pelos militares; levou o clero brasileiro; a partir do final dos anos 1960; a denunciar os atos discricionários do governo e; sobretudo; a prática de tortura. Consistiu-se; assim; uma viagem de combatividade para a igreja brasileira; que passou a ser vista como portadora da “Voz dos que não tem voz”. A dissertação mostra as posições do Vaticano; da Igreja e do próprio governo sobre tais questões: se; em muitos momentos; ocorreram conflitos; em outros também houve diálogos. A pesquisa mostra ainda que; pela importância do catolicismo no Brasil; as questões internas ditavam as pautas das relações entre o Estado brasileiro e o Vaticano; ou seja; os problemas entre o governo e o clero brasileiro tinham um grande significado simbólico; não permitindo; portanto; que o regime agisse de forma totalmente autônoma.

Classificação
[Total: 0    Média: 0/5]

Comentários

Deixe uma resposta